Vigilante - Terminus of Thoughts

Robby Valentine - Bizarro World

Robby Valentine sempre foi um dos meus músicos favoritos, talentoso, multi instrumentista e excelente cantor. Um artista nato que com o passar dos anos se mostrou ser um músico único, com o seu próprio estilo, sempre lançando álbuns muito bons em sua carreira, e olha que discos não faltam em sua discografia, já são 10 álbuns lançados e todos acima da média na minha opinião.
Em 2014 tem sido um ano bem agitado para Robby Valentine, pois ele esteve bem ocupado com o seu álbum tributo ao Queen, com a banda Aniday e a agora este novo álbum "Bizarro World" de inéditas após 7 anos sem lançar um novo álbum. O último "Falling Down in Misanthropolis" foi lançado em 2007. Além disso, este novo álbum foi lançado de forma independente, diferente dos outros, desta vez nada de gravadoras envolvidas(foi lançado no Japão mais tarde).
Todo álbum de Robby Valentine é marcado com muito piano, teclados, harmonias, guitarras, e produção cristalina, e neste novo álbum não é diferente, temos as características que sempre fizeram parte de suas composições, melodias em doses diabéticas, vocais e harmonias que lembram o Queen, piano clássico, etc.
Após um linda introdução ao piano clássico, temos a faixa título "Bizarro World" que é energética, com muitas harmonias e pian, sem dúvida um grande destaque.
A próxima "Rockstar" uma faixa com riffs mais metal, mas com um toque de modernidade, como ele fez em seu álbum anterior.
Temos umas faixas mais pop em "You're tearing me down" que apesar da acessibilidade, tem um melodia incrível e muito agradável de se ouvir, e temos a  la "cabaret" em "Deadbeat Boy" que não chegar a se destacar, mas é divertida, digamos assim.
Temos um hard rock em "Schizophonicated" com riffs legais e grandes harmonias. Claro, temos uma linda balada "Close the door", que começa lenta e explode em um refrão excelente, uma das minhas favoritas.
Uma das candidatas a hit é sem dúvida a "Black Rain" que música linda! Tudo é perfeito aqui, guitarras, vocais, simplesmente uma canção para se tornar clássica em uma apresentação ao vivo.
O álbum termina como ele começou, com um excelente piano na "The Mistake", uma balada bem emotiva.
Sem dúvida o álbum do ano para mim, se você não conhece o Robby Valentine, o que você está esperando? Robby tocou todos os instrumentos aqui, e isso já mostra todo o talento deste músico incrível.

Rating: 9/10

Band:
Robby Valentine - vocals, all instruments

Valentine Live:
Robby Valentine - vocals.piano, guitar
Paul Coenradie - guitar
Luuk Van Gerven - bass
Andre Borgman - drums

Contact:
http://www.robbyvalentine.nl/
www.facebook.com/robbyvalentine

Comentários

Postar um comentário